Blog Homeostase

O seu momento de conferir conteúdos sobre saúde,
bem-estar e qualidade de vida.

A importância do exercício físico na reabilitação cardíaca

A atividade física é essencial em todas as fases da vida, certo? Pois saiba que ela também deve estar na rotina de quem se submete a uma cirurgia cardíaca.

 

As doenças cardiovasculares exigem atenção. E o exercício físico é parte da prevenção e da recuperação de pacientes que precisaram realizar cirurgias.  

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular, divulgados pelo Hospital Sírio-Libanês, o Brasil é um dos países que mais realiza cirurgias cardíacas no mundo. Isso inclui procedimentos como pontes de safena, implantes de marca-passo, reparação ou substituição das válvulas do coração.

Estatísticas que poderiam ser mudadas com a adoção de um estilo de vida mais saudável, com dieta equilibrada, prática de atividade física e distância de hábitos como o uso do cigarro e do álcool. Esses conselhos servem para prevenir problemas cardiovasculares e também precisam fazer parte da vida de quem já passou, por exemplo, por uma cirurgia cardíaca.

Se você tem alguma patologia desse tipo e vai ser submetido à intervenção, ou está se recuperando desse processo, preparamos um artigo especial para ajudá-lo(a) a enfrentar o pós-operatório.

Vamos falar do Programa de Reabilitação Cardíaca da Homeostase, uma experiência para garantir mais qualidade de vida nessa importante etapa, com total segurança. Isso porque está mais do que comprovado que manter uma rotina de exercícios traz inúmeras vantagens, sempre com acompanhamento de profissionais especializados.

Quer saber mais? Então, fique com a gente!

 

Os perigos das doenças cardiovasculares

Para traçar um panorama da incidência fatal de doenças relacionadas ao coração, a Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) criou o Cardiômetro. Trata-se de um indicador on-line sobre o número de mortes por problemas cardiovasculares, em todo o país.

E vale destacar que essas disfunções estão entre as principais causas de mortes no Brasil. De acordo com dados da SBC, são mais de 1.100 mortes a cada dia, cerca de 46 por hora. É uma morte a cada 90 segundos.

Não é à toa que o cardiologista é o especialista médico mais procurado pelos brasileiros. E as principais doenças que afetam o coração e levam muita gente aos consultórios são:

  • Arritmias Cardíacas;
  • Angina;
  • Hipertensão;
  • Doenças Cardíacas Congênitas;
  • Doenças Isquêmicas;
  • Endocardite;
  • Insuficiência Cardíaca;
  • Miocardite;
  • Prolapso da Válvula Mitral.

O fato é que a incidência dessas enfermidades e os números alarmantes de vidas que elas interrompem poderiam ser bastante diferentes. E no começo de tudo está o eixo da precaução. É preciso ter mais atenção aos cuidados preventivos e às medidas terapêuticas, aliados ao tratamento adequado dos fatores de risco. Dessa forma, o quadro pode ser revertido.

Isso também passa por alguns fatores: aderir a uma alimentação equilibrada, rica em fibras e com pouco sal e açúcares, além de evitar o tabaco e o uso nocivo do álcool, fazendo da atividade física uma constante na rotina de vida. Um caminho que também é fundamental para quem já passou por alguma cirurgia cardíaca, sabia?!

Aliás, seguir a vida de forma saudável após algum procedimento cirúrgico e se exercitar de forma segura, com acompanhamento profissional, é a melhor forma de ajudar na recuperação. É aí que entra o Programa de Reabilitação Cardíaca da Homeostase!

 

Programa de Reabilitação Cardíaca da Homeostase

Garantir a qualidade de vida é primordial para quem realiza alguma cirurgia cardíaca, ou mesmo que não tenha feito a cirurgia, mas passou por um infarto por exemplo. E uma boa recuperação inclui a prática de exercícios. Os efeitos são notáveis na reabilitação dos pacientes, com menor número de eventos pós-operatórios e de reinternações hospitalares.

É claro que alguns cuidados precisam ser tomados, como o acompanhamento médico constante. Entretanto, movimentar o corpo de forma segura ajuda a enfrentar até mesmo as sensações de insegurança, tristeza e depressão, que são comuns nesse processo.

Para um pós-operatório cardiovascular que encaixe exercícios de forma gradual, tranquila e segura, a Homeostase criou o Programa de Reabilitação Cardíaca. A iniciativa da clínica tem como objetivo contribuir para a manutenção da saúde de quem saiu de uma sala de cirurgia, ou apresenta alguma cardiopatia, reduzindo os fatores de risco a partir de uma metodologia específica para esses quadros.

 

Entenda nosso programa

O Programa de Reabilitação Cardíaca da Homeostase conta com um profissional habilitado que supervisiona a prática de exercícios físicos. Ele constrói uma série personalizada de treinamentos, atualizada constantemente de acordo com sua evolução.

É importante destacar que todo esse trabalho acontece em parceria com o médico responsável pelo paciente, para que a reabilitação cardíaca seja eficiente e segura. Caso seja necessário, o profissional da Homeostase poderá acompanha-lo inclusive à consulta ao seu médico.

 

Como funciona

Para começar, na primeira consulta é feito um questionário minucioso com o paciente para buscar todos os dados do seu histórico, bem como uma avaliação física e a análise dos exames. Tudo isso vai servir para que os profissionais preparem o acompanhamento especializado, cientes de todas as informações importantes para a adequada reabilitação cardíaca.

Depois desse planejamento seguro, inicia a implementação da metodologia de treino específica, sempre respeitando o ritmo e as limitações de cada um. As aulas são ministradas por profissionais capacitados e treinados constantemente em primeiros socorros. Eles estão aptos a realizar manobras de reanimação cardiopulmonar, assim como a utilizar o equipamento desfibrilador (DEA), caso seja necessário.

 

São muitas vantagens

Praticar exercícios físicos e fazer parte do Programa de Reabilitação Cardíaca da Homeostase traz uma série de vantagens para quem precisa recomeçar, depois de uma intervenção cirúrgica, ou seja, um portador de alguma cardiopatia. Olhe só:

  • Os professores especializados e altamente capacitados fazem o monitoramento dos parâmetros fisiológicos, como o controle da pressão arterial, dos batimentos cardíacos e da saturação de oxigênio; além de uma relação direta com o seu médico cardiologista.
  • Além disso, eles possuem conhecimentos específicos sobre patologias, lesões e primeiros socorros, estudando constantemente para aplicar a forma mais eficiente de treinamento;
  • Os exames e a composição corporal do aluno são avaliados periodicamente, para acompanhar a evolução e realizar um novo planejamento de treino, de acordo com as necessidades;
  • Tudo isso em um espaço tranquilo e familiar, com estacionamento gratuito, vestiários e espaço para café, pois se sentir acolhido ajuda muito na reabilitação cardíaca.

Se você gostou do Programa de Reabilitação Cardíaca que desenvolvemos, com tudo o que ele oferece, entre em contato com a nossa equipe pelo site ou pelo WhatsApp (19) 97600-0134. Nosso time vai ajudar você a entender melhor a importância do exercício físico seguro após a cirurgia cardíaca!

Matérias relacionadas
Abrir chat
(19) 97600-0134